Área Restrita

Terça-Feira , 12 de Setembro de 2017
FHO|Uniararas participa de Operação histórica do Projeto Rondon

Alunos e professores da FHO|Uniararas retornaram da Operação Rondônia Cinquentenário, realizada em julho, pelo Projeto Rondon. Esta edição histórica celebrou os 50 anos do Projeto, que teve início em 1967, e envolveu 15 municípios e distritos de Rondônia, onde foi realizada a primeira Operação. Mais de 300 rondonistas, de 30 instituições de ensino superior do país, passaram por esta experiência.


Composta por alunos dos cursos de Engenharia de Produção, Engenharia Civil, Biologia e Enfermagem, sob orientação dos professores Me. Valdenilson José Zorel e Dr. Júlio Valentim Betioli e acompanhamento do "anjo" Sargento Macedo, nossa equipe atuou - juntamente com os alunos da Universidade Federal de Alfenas - em oficinas e capacitações voltadas para as comunidades da cidade de Urupá.


Inspirado em princípios consagrados pelo Marechal Rondon, o Projeto acontece por meio da união dos esforços do Governo Federal, das Instituições de Ensino Superior e de alianças com as comunidades. As ações trazer benefícios permanentes para as comunidades, relacionados com a melhoria do bem estar social e a capacitação da gestão pública. Esta contribuição para a formação do universitário como cidadão e a criação de seu sentido de responsabilidade social coletiva, em prol da cidadania, vão ao encontro da Missão da FHO|Uniararas, que participa do Projeto desde 2005.


Durante a estadia em Urupá, nossos alunos se dividiram na organização e realização de dezenas de atividades com a comunidade, entre elas: "Viveiro de Mudas, Compostagem, Biodigestor de gás e Irrigação Ecológica"; "Informática Básica"; "Como montar uma empresa e um curriculum"; "Planejamento Financeiro Empresarial e Familiar"; "Levantamento do Potencial Turístico e Programas de Incentivo ao Turismo"; "Sistema de Tratamento de Esgoto e Água"; "Plantas Medicinais e Defensivos Naturais"; "Técnicas de Manejo e Controle de Pragas na Piscicultura"; "Horta Comunitária"; "Cooperativa de Reciclagem"; "Oratória" e "Cine Rondon".


Equipe participou de cápsula do tempo enterrada em Porto Velho


Um dos momentos mais emocionantes para a equipe da FHO|Uniararas, foi participar da cerimônia de descerramento da placa comemorativa do cinquentenário do Projeto Rondon, que contou com a presença de autoridades e dos professores e coordenadores das instituições de ensino superior envolvidas na Operação; e de contribuir com uma mensagem para a cápsula do tempo, enterrada no Memorial Rondon. Nossos alunos depositaram no local uma camiseta da Instituição assinada por todos, uma fotografia e uma mensagem. Essa cápsula será aberta daqui a 50 anos, e nós teremos deixado nossa marca.


Confira o depoimento dos rondonistas da Operação Rondônia Cinquentenário:


"O Projeto Rondon foi, sem dúvidas, uma troca de conhecimentos. Passar 23 dias em outro estado convivendo com diferentes pessoas e com uma cultura diferente da nossa foi magnífico. Além das oficinas aplicadas na comunidade, da troca de experiências e da receptividade excelente do município, tivemos também a oportunidade de fazer amizade com alunos de diferentes estados do Brasil, que ali estavam com o mesmo propósito - exercer o seu compromisso social. O Rondon foi uma experiência ímpar em minha vida, pude desenvolver e refletir sobre a minha própria construção enquanto aluna e futura profissional. Ubuntu ontem, hoje e sempre!"

Thabata Roberta Pedroso Borges, aluna de Engenharia de Produção


"Participar do Projeto Rondon me tornou mais humana e me trouxe uma lição de vida. É indescritível o quanto nos transformamos. Só quem vive sabe. É difícil expressar tamanha felicidade em representar a Enfermagem na Operação Cinquentenário. Foi uma troca de experiências incrível, que eu não conseguiria adquirir dentro da sala de aula. Plantamos nossa semente em Urupá, e os frutos vamos colhendo no decorrer da vida. Gratidão por participar de um projeto tão lindo e transformador".

Sophya Araujo Martins, aluna de Enfermagem


"Escrever sobre o Projeto Rondon, agora como um rondonista, é uma tarefa bastante complicada. Com palavras, imagens ou depoimentos talvez não consigamos passar nem 10% de tudo o que esse projeto representa. Nós saímos de um lugar onde estamos acostumados com tudo e encaramos uma realidade diferente da nossa, seja no clima, na cultura, nas comidas típicas ou na forma como se leva a vida. É muito gratificante saber que você está ajudando o outro com aquilo que você aprendeu durante todos esses anos nas salas de aula, mas é muito mais recompensador você aprender com as pessoas lições de vida e de cidadania. É uma troca mútua de conhecimento. É conhecer um Brasil que está além dos livros e telejornais. E como foi satisfatório conhecer novas pessoas! Pessoas que passaram de desconhecidas para amigos, em poucos dias. Coisas que só o Projeto Rondon é capaz. Uma experiência ímpar, que mexe com a cabeça e o coração de qualquer um".

Lucas da Silva Pereira, aluno de Engenharia Civil


"Como definir o Rondon em palavras? Tenho essa dificuldade sempre que me perguntam. É difícil resumir os maravilhosos 20 dias que esse projeto me proporcionou. Sucintamente, só consigo dizer que foi incrível! Conheci lugares e pessoas que provavelmente jamais conheceria. Descobri que o Brasil é um país extremamente lindo e rico, mas que precisa de muita atenção e cuidado. E seus habitantes, independente do lugar, são acolhedores e sorridentes. Amar o próximo acredito que a grande maioria ama, porém, precisamos saber demonstrar e realizar esse amor em ações. Depois de toda a convivência com pessoas tão diferentes de mim e, consequentemente, o aprendizado, o Rondon deixou uma marca em quem eu sou e uma importante contribuição para quem eu pretendo ser".

Sheila Oliveira Conceição, aluna de Biologia


"Não há muitas palavras para definir o Rondon. É um sentimento que nos completa, que nos faz ver realmente que nossos problemas não são nada comparados as belezas que nos rodeiam. E não são somente as belezas visuais como as paisagens do nosso país, mas também as belezas da alma de quem nos recebe tão bem em seu lar, sem ao menos nos conhecer. A beleza de ouvir um "obrigado por virem aqui", mesmo sabendo que mais aprendemos do que ensinamos. Tenho certeza de que quem pode ir para o Rondon JAMAIS volta a mesma pessoa."

Luiz Henrique Amigoni, aluno de Biologia


"Os ensinamentos adquiridos no decorrer da Operação vão muito além do trabalhado nas capacitações. Por meio do Projeto é possível compreender com afinco o significado da palavra cidadania e viver uma experiência única e motivadora para a vida toda".

Mauricio Machado Corceti, aluno de Engenharia de Produção


"Participar do Rondon sempre foi um sonho para mim e para minha equipe. Mas tudo o que vivemos, aprendemos e conhecemos nesses 20 dias supera o que imaginávamos. O carinho da comunidade, a cada sorriso que recebíamos, foi a maior recompensa. Estar perto de uma realidade diferente da nossa, nos faz perceber que o Brasil é um país de diferenças, mas mesmo com elas o povo vive alegremente e sempre com esperança nos olhos. Eu voltei uma pessoa com percepções diferentes e uma pessoa bem melhor".

Jéssica Rosa Pereira Silva, aluna de Engenharia de Produção

Indicar esta notícia
Versão para impressão Comunicar erros
Prêmios
  • Parcerias
  • UNIARARAS - Fundação Hermínio Ometto - Av. Dr. Maximiliano Baruto, 500 - Jd. Universitário | Araras - SP - CEP: 13607-339 - Tel: (19) 3543-1400
    © 2012 - Fundação Hermínio Ometto - CETEC - Todos os direitos reservados / © 2005-2012